cinema   / Sucesso!

Julia Svacinna, atriz de “Um Tio Quase Perfeito 2”, revela detalhes sobre sua personagem: “Luta pelo que acredita”

A intérprete de Patricia abriu o jogo sobre os bastidores do longa, novos projetos e contou porque se identifica com sua personagem

Luisa Scavone Publicado segunda 22 fevereiro, 2021

A intérprete de Patricia abriu o jogo sobre os bastidores do longa, novos projetos e contou porque se identifica com sua personagem
Julia Svacinna - Reprodução/ Instagram

Se você gosta de filme de comédia e uma história para ver com a família, nada melhor que “Um Tio Quase Perfeito 2”, que teve sua estreia antecipada no dia 18 de fevereiro nas plataformas digitais exclusivamente para aluguel e compra nas operadoras de TV, loja digital e console de vídeo game. Para comentar um pouco sobre essa produção incrível, a Atrevida conversou com Julia Svacinna, intérprete de Patricia no longa.

+++LEIA MAIS: Juju Franco faz ensaio inspirado na série “Bridgerton”; confira!

Além da atriz, “Um Tio Quase Perfeito 2” é estrelado por Marcus Majella, como Tio Tony, Soffia Monteiro, como Valentina, e João Barreto, vivendo o papel de João. A família terá que lidar com a chegada de Beto (Danton Mello), o namorado da irmã de Tony, Ângela (Letícia Isnard), e as coisas saem um pouco fora do controle. Confira o trailer:

O filme aborda temas importantes como mãe solteira, ciúmes, aceitação, romance entre pais divorciados e a proposta de juntar e misturar suas famílias. Para Julia Svacinna, sua personagem encara a situação toda de uma maneira mais madura que o tio Tony: “Acho que acaba acontecendo por ela ser a filha mais velha, então assume um papel para proteger os irmãos”, disse. Como a chegada de um padrasto (o Beto) causa uma grande confusão, Patricia foi mais compreensiva: “Ela consegue entender muito melhor que ele não é uma substituição do pai dela, mas sim um padrasto e vai fazer parte do novo núcleo familiar”.

+++LEIA MAIS: "Para Todos os Garotos Que Já Amei 3" emociona o público com desfecho de Lara Jean e Peter Kavinsky

No primeiro filme, a personagem da atriz ainda era criança, mas já no segundo seu amadurecimento é perceptível e Patricia se tornou ainda mais ativista: “Acho que nesse filme ela luta ainda mais pelo que ela acredita, porque já não é uma pauta tão simples quanto uma peça de escola, como era no primeiro filme. Agora ela está lutando por uma alimentação mais saudável e ela tem todo esse movimento de ativismo nessa área”.

Em “Um Tio Quase Perfeito 2”, outro personagem que faz parte da trama é Rodrigo, filho de Beto, interpretado por Fhelipe Gomes. Porém, a relação do menino com Patricia, personagem de Julia, não é dar melhores e eles vivem períodos conturbados. Para a atriz, a importância dessa relação é demonstrada em duas partes: “O primeiro ponto é que, quando vão para cima, você não precisa ficar quieto e pode sim responder. Então acho que incentiva um posicionamento, mas não de maneira agressiva. O segundo ponto acho que é sobre o perdão, porque no final do filme eles estão bem. A Patrícia e o Rodrigo se aceitam e perdoam o que um fez para o outro”, apontou Julia.

+++LEIA MAIS: Fernanda Concon fala sobre como amadureceu em meio à vida pública: "Tive momentos complicados"

A jovem ainda comentou que se enxerga muito na personagem. “No primeiro filme eu digo que quase não tem um personagem, é a Julia”, contou. Ela disse que, assim como Patricia, também é irmã mais velha e seu irmão também chama João. “O ponto que eu mais me identifico com ela é o caráter de querer sempre me posicionar. Eu tenho muita opinião e não gosto de deixar passar batido o que eu penso”, disse.

Com apenas 16 anos, Julia já é um nome muito conhecido no mundo artístico, mas sempre aprende muito com quem trabalha, por exemplo, Marcus Majella, que é um dos maiores nomes da comédia nacional. “Ele é incrível, muito inteligente. É mais reservado durante as gravações, mas na hora que falam ‘ação’, você vê a magia acontecer e pensa: ‘Meu deus da onde ele tirou isso?’", contou. “Era realmente um elenco que eu respirava e já estava aprendendo”.

+++LEIA MAIS: Tília Fialho relembra início de seu sucesso após live do pai, Dennis: "A galera começou a me descobrir"

Como ainda está na escola, Julia precisou otimizar seu tempo de estudo e trabalho, o que, por incrível que pareça, dava resultados ainda melhores para sua vida de estudante. “Eu tinha aulas particulares para poder recuperar a matéria que eu estava perdendo na escola. Nunca tive muito problema com isso. Inclusive, as minhas melhores notas geralmente são em períodos que eu estou gravando, porque acho que eu acabo estudando mais”, revelou.

Além de atriz, ela também é cantora e compositora. A música feita para o personagem Rodrigo, no filme, foi escrita por ela mesma, como um “presente” dado pelo diretor, Pedro Antonio. “Ele contou mais ou menos qual era a história e tinha umas palavras soltas no roteiro. Então eu peguei um pouco dessas palavras, meu violãozinho e fiquei brincando, até que escrevi a música”. Incrível, né?

+++LEIA MAIS: SURPRESA! Maisa anuncia sua primeira série na Netflix, “De volta aos 15”: "Estou MUITO ansiosa”

Com duas músicas lançadas em 2020, o ano de 2021 promete mais novidades. Julia Svacinna já tem 20 músicas escritas e podemos esperar muita história de romance e amizade em suas letras: “Escrevi muitas baseadas em relacionamentos de amigas minhas, porque às vezes falta inspiração na minha própria vida”. Além disso, Julia também escreveu sobre o isolamento social que estamos vivendo até hoje e contou um pouco do que a música traz: “A gente quer roubar um pouco do ontem para conseguir superar o hoje, mas tudo que a gente pode fazer é esperar parar amanha”, completou.

Último acesso: 28 Feb 2021 - 22:12:45 (1046743).